Avaliação Institucional CPA

A Comissão Própria de Avaliação (CPA) foi instituída no âmbito da Lei nº 10.861, de 14 de abril de 2004, que cria o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), e se configura como um sistema de avaliação global e integrada das atividades das Instituições de Educação Superior (IES). A CPA está estruturada em três pilares de avaliação: Avaliação da Educação Superior (Avalies), Avaliação dos Cursos de Graduação (ACG) e o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). A CPA é responsável pela autoavaliação institucional, inserida no âmbito do Avalies, mediante a “condução dos processos de avaliação internos da instituição, de sistematização e de prestação das informações solicitadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep)”.

A CPA é um colegiado de representação acadêmica, composta por cinco segmentos: docentes, discentes, corpo técnico-administrativo, egressos e sociedade civil e tem como objetivo coordenar e articular o processo de autoavaliação da Faculdade de Ciência e Tecnologia.

 

Tem por finalidade

•    consolidar o processo de Autoavaliação institucional, assessorando os processos de avaliação institucional externos; 
•    contribuir para a permanente melhoria dos processos de gestão e pedagógicos da instituição e com o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior – SINAES.

 

Importância da CPA no processo da avaliação 

Além de fazer parte das exigências do Ministério da Educação, enviando os dados obtidos para o INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), é a Comissão que garante que as avaliações sejam realizadas democrática e periodicamente, já que a CPA é autônoma dentro da Instituição. Somente com este processo é possível conhecer os pontos fortes e os pontos fracos, para que sejam avaliados e sanados da melhor forma possível. A Facitec tem o compromisso com a excelência de seu trabalho na área educacional, e por isso, necessita deste canal de avaliação para obter informações fundamentais para que esse processo continue.

 

Dimensões institucionais avaliadas

A Lei nº 10.861/2004, nº no seu art. 3º, estabelece as dimensões que devem ser foco da avaliação institucional e que garantem simultaneamente a unidade do processo avaliativo em âmbito nacional e a especialidade de cada instituição. O processo avaliativo da considera a realidade institucional e sua abrangência, adotando para isso cinco grandes Eixos Temáticos previstos no Instrumento de Avaliação atualizado através da Nota Técnica N.14/2014. Os eixos ficam dispostos da seguinte forma:

Eixo 1 – Planejamento e Avaliação Institucional: considera a dimensão 8 do SINAES (Planejamento e Avaliação). Inclui também um Relato Institucional, que descreve e evidencia os principais elementos do seu processo avaliativo (interno e externo) em relação ao Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), incluindo os relatórios emanados pela Comissão Própria de Avaliação (CPA), do período que constituiu o objeto de avaliação. 
Eixo 2 – Desenvolvimento Institucional: contempla as dimensões 1 (Missão e o Plano de Desenvolvimento Institucional) e 3 (Responsabilidade Social da Instituição) do SINAES. 
Eixo 3 – Políticas Acadêmicas: abrange as dimensões 2 (Políticas para o Ensino, Pesquisa e Extensão), 4 (Comunicação com a Sociedade) e 9 (Políticas de Atendimento aos Discentes) do SINAES. 
Eixo 4 – Políticas de Gestão: compreende as dimensões 5 (Políticas de Pessoal), 6 (Organização e Gestão da Instituição) e 10 (Sustentabilidade Financeira) do SINAES. 
Eixo 5 – Infraestrutura Física: contempla a dimensão 7 (Infraestrutura Física) do SINAES. 

 

Atribuições da CPA

As atribuições da Comissão são as de implementar os processos e procedimentos das avaliações, conduzir as mesmas de acordo com as diretrizes do SINAES e da CONAES (Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior), assegurar a participação de todos no processo, preparar e analisar os relatórios com os resultados oriundos da avaliação, criar mecanismos e instrumentos para a divulgação dos resultados, definir os trabalhos a serem realizados e propor ações que promovam a melhoria do processo avaliativo.


Notícias Relacionadas

TOP